Cluster - the blog

domingo, janeiro 22, 2006

Já Elvis

Para o pessoal que ainda insiste em acessar esse blog, ele acabou.

Praticamente tudo o que eu postaria aqui, estou postando no du Contra, então visitem lá! ;)

Abraços, beijos, tchau.

postado por Cluster - 17:09 - comente (5)

 

quarta-feira, outubro 19, 2005

O dia em que parei de usar caderno

Usar fichário, uma prática que larguei mão logo na sexta série. Para ser organizado não pode ter preguiça, e eu tenho muita.

Cadernos são bem mais simples, você abre na parte da matéria que quer e copia tudo lá. O problema é quando você também tem muita preguiça na hora de achar a parte das matérias. Assim acabo abrindo em qualquer lugar, de modo que a matéria a ser copiada fica sorteada em alguma página.

Pra achar depois? Demora mais tempo para procurar do que para copiar tudo no lugar certo. Ou seja, desistia na hora de achar, e ficava sem estudar.

Se nunca achava, pra que copiar? Parei de copiar a matéria também, com medo de não achar depois.

Esse foi um dos motivos de me interessar em um Palm, queria extinguir a necessidade de organização não-virtual, não suporto usar folhas, muito menos ter que entender minha letra depois, que é horrível.

Semprei troquei qualquer pedaço de papel por um bom notepad, mas não é o tempo todo que estou do lado do computador.

Agora com o E2, fica muito melhor. É bem legal poder ter toda matéria no computador, ainda mais com as vantagens de poder editar ou usar a pesquisa nos documentos. Substitui muito bem o caderno e, de brinde, tem diversas funções extras.

Posso ver filmes, fotos, ouvir música, ler livros, tenho agenda telefônica, calendário, calculadora ciêntifica, alarme, jogos...

Mas o Palm tem um ponto fraco, imperdoável. Enquanto estou escrevendo no caderno, gosto de ficar desenhando nas margens, agora não posso mais. =(

postado por Cluster - 23:25 - comente (18)

 

quinta-feira, outubro 13, 2005

Algum tempo

É, mais um ano... 17!
  • 203 meses

  • 887 semanas

  • 6210 dias

  • 149035 horas

  • 8942101 minutos

  • 536526092 segundos

  • 536526098000 milisegundos

  • e contando...

Só falta fugir de casa, como dizem meus amigos do capital.

postado por Cluster - 23:52 - comente (1)

 

quarta-feira, outubro 12, 2005

Dia das crianças

Só pra não passar em branco, feliz dia das crianças pra todo mundo.

Hoje eu fiz o template pro blog do Pascon, aqui vai o endereço pra vocês conferirem:

inultilidade.blogspot.com


Enquanto isso...

... no du Contra começa o processo de seleção do novo colaborador.

postado por Cluster - 19:32 - comente (2)

 

terça-feira, outubro 11, 2005

Novo blog

Sabe, analisando o passado de meu blog cheguei a uma conclusão.

Posts polêmicos fazem sucesso, recebem comentários, dão visitas, e satisfazem quem faz o blog, mesmo que as opiniões não sejam a favor do post.

Percebi isso vendo a campanha anti Bob Esponja, o post que falou que o Papai Noel não existe, post sobre as pulseiras dominadoras de mentes e agora, recentemente, o post sobre o referendo do desarmamento.

Como frequentemente pessoas me chamam de 'do contra', já que tenho opiniões que diferem da maioria, resolvi criar um novo blog.

du Contra


Esse blog não terá somente eu como 'autor', em breve vou estar colocando mais gente para me ajudar nos posts.

Espero que gostem e não, não estou abandonando este blog, até por que, tem posts que não se encaixam lá.

postado por Cluster - 20:36 - comente (4)

 

segunda-feira, outubro 10, 2005

Erro 404

O Docko, do RIP, fez um post questionando o porquê do número 404, neste tão famoso erro da internet, que irrita muitos e aparece quando algum arquivo não é localizado no servidor.

Aqui vai a explicação correta:

A História do 404

Antes do início dos tempos, quando a Internet ainda vivia somente nas shells (terminais de comandos em texto) do Unix e do protocolo Gopher (navegação sem gráficos, apenas textos); uma época em que mouse era apenas um animal de esgotos e laboratórios e monitor "verde sobre preto" era um luxo, um grupo de jovens cientistas no CERN (Laboratório Europeu para Partículas Físicas - Suíça) começavam a trabalhar no que viria a ser a grande revolução na mídia que o Homem jamais havia testemunhado: a World Wide Web (Grande Rede Mundial), que mais tarde viria a ser conhecida como WWW, ou simplesmente "a Rede". Seu objetivo: criar uma infra-estrutura de base de dados capaz de oferecer dados em vários formatos simultaneamente: a multimídia. O objetivo final era claramente criar um protocolo que combinasse o texto com as imagens e os apresentasse como um só documento, e ainda capaz de criar ligações (links) para outros documentos e assim por diante: o hipertexto.

Devido a estas mentes brilhantes serem relutantes em revelar seu progresso ao mundo antes da conclusão dos trabalhos, eles começaram a desenvolver seu protocolo em um ambiente fechado: a rede interna do CERN. Milhares de horas/homem foram gastas no que mais tarde se tornaria o padrão world-wide para documentos multimídia. Usando o layout físico da rede e dos edifícios do CERN como uma metáfora para "o mundo real" eles situaram funções diferentes do protocolo em escritórios diferentes dentro do CERN.

Em um escritório no quarto andar (sala 404), eles colocaram a base de dados central da World Wide Web: todo pedido para um arquivo era encaminhado a esse escritório, onde duas ou três pessoas localizariam manualmente os arquivos pedidos e os transferiam, pela rede, à pessoa que fez as requisições.

Quando a base de dados começou a crescer, as pessoas no CERN perceberam que podiam acessar arquivos extras, não somente os que pertenciam aos seus papéis de pesquisas científicas. Então não somente o número de pedidos cresceu, mas também o número de pedidos que não poderiam ser cumpridos, geralmente porque a pessoa que pediu um arquivo digitou o endereço errado para esse arquivo. Estes pedidos defeituosos foram logo respondidos com uma mensagem padrão: "Room 404: file not found", ou seja, "Sala 404: arquivo não encontrado".

Mais tarde, quando estes processos foram automatizados e as pessoas podiam acessar diretamente a base de dados, os identificadores (ID) para mensagens de erro permaneceram ligados à posição física onde o processo ocorreu: "404: arquivo não encontrado".

Os números das salas permaneceram nos códigos de erro na liberação oficial do HTTP (Hyper Text Transfer Protocol - Protocolo para Transferência de Hiper Texto), quando a Web deixou o CERN para conquistar o mundo, e ainda são mostrados quando um navegador faz um pedido defeituoso a um servidor de internet. Em memória aos heróicos garotos e garotas que vararam a madrugada durante todos aqueles meses, naquele escritório pequeno e quente no CERN, a Sala 404 é preservada como "um lugar na Web". Nenhuma das outras salas são usadas atualmente para a Web. A Sala 404 é o único e verdadeiro momento para o início da Web, um tributo a um lugar no passado, onde o futuro foi moldado.


Fonte (tradução): www.sacrahome.net/v2/node/8440
Original: www.room404.com/

postado por Cluster - 14:59 - comente (5)

 

domingo, outubro 09, 2005

Últimas notícias

Já que não postei nada ontem, fique aqui com notícias recentes da minha vida.
  • Estou cheio de projetos. Alguns ainda são segredo (talvez nunca sejam revelados) e outros não;

  • O projeto que não precisa ser segredo é que estou criando um novo blog. Dessa vez algumas outras pessoas também postarão nele. Provavelmente chamará "du Contra";

  • Estou fazendo o template do blog do meu amigo, chama RIP. Daqui a pouco posto o endereço e o template que já vou ter terminado de fazer;

  • Já que gostaram taaaanto do início da minha história, em breve vou postar a PARTE II;

  • Assisti "As Panteras - Detonando". A Cameron Dias continua show;

  • Se aparecer "Curiosidades Google" no lugar do anúncio ali em cima, clique no horário que algum post foi postado que aparecerá a propaganda certa;

  • Tenho prova de matemática, filosofia, literatura e provavelmente alguma outra matéria que não lembro no momento. Ah, é meu aniversário e todas as outras escolas (menos a minha) não vão ter aula, por que é semana do saco cheio;

  • Odeio quando faço post falando da minha vida.

[update]

Template praticamente pronto, o endereço do blog para vocês conferirem é: rriipp.blogspot.com

postado por Cluster - 20:20 - comente (5)

 

[info pessoal]

Nome: José Daidone
Apelido: Zeca
Nick: Cluster
Gosto de: computadores, fazer sites, coca-cola, quarteirão do mcdonalds, x-bacon salada, batata frita, suco de caju, torta de limão, chocolate, frio (agasalhado, sempre)...
Não gosto de: futebol, pagode (e músicas com genero parecido), história. geografia, esperar alguma coisa sem ter o que fazer, acordar cedo, dormir cedo, bob esponja, ser obrigado a decorar/lembrar de alguma coisa...
Lugar: meu quarto
Banda: Pink Floyd
Música: Another Brick in the wall

[arquivo]

[últimos posts]

[contato]

MSN: thecluster@hotmail.com
Orkut: http://www.orkut.com/Prof...

[amigos]

[linkz]

[apoio]

Eu sou NERD

Get Firefox!

Get Thunderbird!

Anti Bob Esponja

Powered by Blogger

[syndicate this site]

[template by: cluster]